quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Mais um setor paraliza seus trabalho em Uruará por falta de pagamento: A onde a faixa colocada  na frente do Centro de controle de endemias e Zoonoses, diz estamos  paralizando por falta de pagamentos. Queremos nosso salários!  Onde esta nosso dinheiro???

GOVERNO NÃO ATENDE OS TRABALHADORES E A EDUCAÇÃO PLACAENSE CONTINUA EM GREVE.

A greve dos trabalhadores da educação no município de Placas teve início aos 23 dias do mês de outubro do ano de 2012, a partir das treze horas desse mesmo dia. Greve é por tempo indeterminado, e foi iniciada após setenta e duas horas da comunicação ao governo, ainda na esperança de uma solução negociada entre o governo e a categoria de educação. Na reivindicação enviada ao Governo os educadores exigem pagamento em dia dos salários, a garantia de transporte escolar e regularização da merenda escolar.
Durante muitos dias o SINTEPP tentou resolver de forma administrativa todos esses problemas através de sua coordenação. Foram diversos os ofícios enviados ao Governo, fizemos reuniões e manifestos com o governo e Secretaria de educação, mas não se teve sucesso.Não havendo negociação por parte do governo municipal e Secretaria de Educação em resolver as reinvindicações foi decretada a greve com a seguinte pauta:• Atualização do pagamento dos proprietários dos transportes escolares e motoristas dos referidos transportes, para que os alunos voltem de fato a participar das aulas em sua totalidade, pois há mais de dois meses estão sem receber com comprometimento do serviço, portanto alunos estão sem ir para as escolas, correndo o risco de perder o ano letivo e reprovar por falta. • Regularização da merenda escolar, para que os alunos possam receber merenda de qualidade e suficiente todos os dias que estiverem estudando, uma vez que a situação da alimentação escolar está precária;  • Regularização do pagamento dos servidores da educação, para que seja cumprida a lei que determina o pagamento até o quinto dia útil de cada mês;
• Pagamento de todos os trabalhadores da educação (efetivos e contratados), pois parte desses servidores encontra-se sem receber seus salários. No dia 16 deste mês, dirigentes do SINTEPP e servidores prejudicados estiveram em audiência com o Promotor de Justiça Dr. Arlindo Jorge Cabral Junior, na  cidade de Uruará, formalizando denúncia da situação da merenda e transporte escolar. Além desses problemas, o prefeito municipal está retendo os valores das contribuições dos nossos filiados ao SINTEPP, deixando o sindicato numa situação de  extrema dificuldade, tudo no sentido de enfraquecer nossa reação ao estado de calamidade de nossas escolas e da falta de condições de trabalho aos profissionais  e servidores da educação. Aos pais de alunos queremos assegurar que a paralisação dos trabalhos é extremamente necessária para se passar a limpo o caos imposto às nossas escolas e os sacrifícios pelos quais estão passando nossas crianças e jovens estudantes. Enquanto não houver providências efetivas, os trabalhadores da educação seguiram em greve. O SINTEPP SOMOS NÓS, NOSSA FORÇA E NOSSA VOZ!

Convite
Os professores das escolas públicas municipais de Placas convidam os pais e/ou responsáveis pelos alunos das escolas: Almir Gabriel, Tancredo neves, Irani de Andrade, Ana Faleiro e Almirzinhopara uma reunião que acontecerá no pavilhão da Igreja Católica no dia primeiro (1º) de novembro de 2012, nesta quinta-feira, com a seguinte pauta: retorno das aulas para que os alunos não percam o ano letivo.
Contamos com a presença de todos.
Atenciosamente
Agradece a coordenação

Bandidos troca tiros com policia e 02 bandidos são mortos em Uruará.

Bandidos que vinham aterrorizando a cidade de Uruará em assaltos se deram mal nesta noite de Terça feira. Samuel dos Santos Castro de 27 anos e Yuri Custodio dos Santos de 17 anos, que já eram velhos conhecidos da Policia, foram destinado a sua própria sorte.  A dupla que de acordo com a polícia, vinha á algum tempo praticando roubos pelas ruas da cidade de Uruará. Um soldado da PM que voltava da casa da namorada, quando os dois elementos tentaram assaltar o policial. O soldado que estava de moto conseguiu escapar do assalto e chamar reforço. Ouve troca de tiros a onde um soldado da Pm foi ferido de raspão, foi medicado e passa bem. Samuel e Yuri foram mortos durante troca de tiros com a Policia, Os assaltantes portavam um revolver calibre 38 que foi deflagrado todas as 06 munições.

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Justiça mantém concurso da Prefeitura de Altamira para o dia 11 de novembro

"PROVAS SERÃO DIA 11 DE NOVEMBRO  EM DOIS TURNOS"
Imagem: Arlito Ramos.
A juíza titular da 4º vara da Comarca de Altamira Drª. Cristina Collyer Damásio, indeferiu hoje (29.10), o pedido de liminar interposto pelo Ministério Público Estadual. Na ação civil pública, o MP questionava a forma licitatória a qual a prefeitura de Altamira teria contratada a empresa para realizar o concurso.A magistrada, depois de tomar conhecimento da defesa da prefeitura através dos procuradores do Município drº. Arnaldo Cruz e Drª. Cássia Pantoja, entendeu que essa forma de contratação através de Pregão para realização de concursos públicos é bastante usada em todo o país, inclusive pelo Poder Judiciário e pelo próprio Ministério Público.Diante dessa decisão judicial, de acordo com a prefeita Odileida Sampaio e com procurador Arnaldo Cruz, fica mantido a realização do concurso público de Altamira, conforme o cronograma estabelecido pelo Instituto Ágata, ou seja, as provas serão realizadas no próximo dia 11 de novembro em dois turnos.Segundo a assessoria da prefeitura as inscrições já se encerram no dia 15 deste mês e no total mais de 17 mil pessoas se inscreveram para concorrer uma das mil vagas disponíveis para os mais diversos cargos da administração pública. Fonte: WD Notícias. 

Aneel aprova transferência de controle da Celpa

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) concedeu nesta terça-feira (30) a anuência prévia para a transferência do controle societário da distribuidora de energia Centrais Elétricas do Pará (Celpa). Com a decisão, o controle da concessionária, pertencente às empresas QMRA Participações e Rede Energia, passará a ser da Equatorial Energia.Os diretores da Aneel constataram que a Equatorial tem idoneidade financeira e regularidade jurídica e fiscal. A agência reguladora deu prazo de 90 dias para implementação e formalização da transferência. A Equatorial terá mais 30 dias para mandar a documentação comprobatória da transferência para a Aneel, sob pena de perder a anuência concedida. A Eletrobras permanecerá com 34,24% das ações da Celpa.Na reunião de hoje, os diretores da Aneel autorizaram a Celpa a destinar os recursos das compensações por violação de indicadores de continuidade e de nível de tensão deste ano para investimentos na área de concessão da empresa, até a próxima revisão tarifária da Celpa. (Agência Brasil).

Ministério Publico de Uruará, fecha os Olhos para os Atrasos nos salários dos Funcionários Públicos.

O Promotor público de Uruará, Dr. Arlindo, que e pago para defender a população, vem á algum tempo deixando os funcionários publico de Uruará a ver navios, pois o mesmo não que se meter no caso dos atrasos nos pagamento Salariais. FUNÇÕES JUDICIAIS: Atua como defensor da ordem jurídica justa, iniciando ações ou atuando como fiscal em ações ajuizadas por terceiros: - Titular dos processos criminais públicos, inclusive oferecer proposta de transação penal (acordo para evitar o processo penal),  - nos cíveis onde haja incapazes (menores de 21 anos e interditados), interesse público e coletivo em ação civil pública ou ação comum, bem como ações de estado (alimentos, família, divórcio, dissolução de união estável, tutela, curatela, guarda e outras da mesma natureza), além de feitos referentes à usucapião, falência, acidente de trabalho, registro público, paternidade, exercendo a fiscalização para proteção dos direitos em discussão e ajuizando as ações quando verificar a necessidade das mesmas, e recorrendo em caso de divergência com a decisão judicial.  FUNÇÕES EXTRAJUDICIAIS:  Instaurar Inquérito Civil Público na defesa do patrimônio público, meio ambiente, consumidor e outros assuntos de natureza coletiva. Fiscalizar aplicação de verbas oriundas do FUNDEF (educação) e do SUS (saúde). Averiguar procedimentos que retornam do Tribunal de Contas relativos às contas dos prefeitos e vereadores.  Verificar indícios de Improbidade Administrativa em qualquer dos Poderes.  Defesa do idoso, deficiente físico e mental em medidas coletivas e preventivas. Controle externo da atividade policial civil e militar. Apuração de infração contida no Estatuto da Criança e Adolescente, inclusive administrativa.  Fiscalização das fundações civis.  Fiscalização das atividades eleitorais Investigações criminais e assuntos civis de interesse coletivo.  Atendimento ao público, em assuntos da atribuição da Promotoria. Correição trimestral nos feitos criminais Acompanhamento da Execução penal Fiscalização da freqüência às aulas de alunos até 14 anos. Influenciar o Legislativo a elaborar leis que melhorem as condições da sociedade e que o Executivo vise ações sociais concretas e reais. Busca solucionar as questões previstas como judiciais sem ajuizar ações, através de ações preventivas e/ou conciliação entre as partes. È agora será que o representante do Ministério Publico vai fazer seu papel.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

PREFEITO DE ORIXIMINÁ, FUGIU DA CIDADE PARA NÃO SER ENCONTRADO PELO OFICIAL DE JUSTIÇA

PREFEITO DE ORIXIMINÁ SE ESCONDEU, PARA NÃO SER CITADO PELA JUSTIÇA
Após o Oficial de Justiça de Oriximiná, levar a intimação para que o prefeito eleito Luiz Gonzaga PV, compareça perante o Juiz para esclarecer as pesadas acusações recheadas de provas, de compra de votos e abuso do poder econômico nestas eleições, ele desapareceu da cidade. Informações dão conta de que orientado por seus advogados, o prefeito Luiz Gonzaga fugiu da cidade e ninguém sabe para onde ele foi, desde as primeiras horas desta manhã de segunda (29), o Prefeito tem paradeiro ignorado até mesmo por seus familiares.Luiz Gonzaga PV, foi vencedor da eleição em Oriximiná, mas derrotado na cidade e eleito com os votos do interior do município, após a apuração, apareceram centenas de denuncias de compra de votos contra Gonzaga, que corre sério risco de ser inclusive preso. Após a Justiça examinar as denúncias e minuciosamente se debruçar sobre as provas que pesam contra Luiz Gonzaga, o Juiz da cidade mandou citar ele para que seja dado o amplo direito de defesa ao denunciado, como manda a Lei, mas Gonzaga fugiu para não se defender.Essa atitude do Prefeito demonstra certa culpabilidade, pois ao fugir do oficial de justiça, pode lhe acarretar em sérias conseqüências, inclusive, um pedido de prisão feito pelos  denunciantes, que caso o juiz acate pode ser muito pior para Luiz Gonzaga.A população da cidade, inclusive os aliados do prefeito, fazem neste momento uma grande manifestação em Oriximiná, em busca de encontrar o fujão e ajudar para que o Oficial de Justiça, consiga notifica-lo e assim conseguir que ele faça a sua defesa perante as acusações que pesam contra sua pessoa. Com Informações Espalha Brasa
 

PT E PSDB CRESCERAM, JÁ O PMDB ENCOLHEU, MAS O GRANDE VENCEDOR É O PSB

PT E PSDB FORAM OS PARTIDOS QUE MAIS ELEGERAM PREFEITOS NO SEGUNDO TURNO
Marcos Chagas e Iolando Lourenço - Repórteres da Agência Brasil
Brasília – Nas 50 cidades, capitais e interior, onde houve disputa eleitoral em segundo turno, o PSDB e o PT elegeram o maior número de prefeitos. Aos petistas coube a vitória na maior cidade do país, São Paulo, administrada por quase uma década pelo PSDB e em mais sete cidades das quais duas capitais, João Pessoa (PB) e Rio Branco (AC). Os tucanos, por sua vez, conquistaram nove municípios, três capitais – Manaus (AM), Teresina (PI) e Belém (PA). O PMDB, que a disputa em 1.035 prefeituras em todo o país no primeiro turno, administrará mais seis cidades vencidas no segundo turno. Os peemedebistas perderam em todas as capitais onde disputaram como, por exemplo, Campo Grande (MS) e Natal (RN).
O PSB, que no primeiro turno venceu em 422 cidades, no segundo turno conquistou mais seis prefeituras. O partido registrou um crescimento de 34%, o maior índice entre as legendas que disputaram as eleições de 2008 e deste ano. O estreante PSD, uma dissidência do DEM, criado com o apoio de outros partidos, perdeu em São Paulo, onde o atual prefeito, Gilberto Kassab, é uma das principais lideranças do partido. No entanto, a legenda mostrou força em outras regiões e venceu as eleições em 502 cidades, 499 no primeiro turno e mais três no segundo turno, entre elas a capital de Santa Catarina, Florianópolis.O DEM, que saiu desgastado no primeiro turno quando elegeu 276 prefeitos, apenas um nas 27 capitais, o prefeito de Aracaju (SE), João Alves Filho, conquistou hoje a administração do terceiro maior colégio eleitoral do país e primeiro do Nordeste, Salvador (BA). Antônio Carlos Magalhães Neto ganhou a disputa com o petista Nelson Pellegrino. Com a sua vitória, ACM Neto reverte um cenário de decadência do carlismo na capital baiana, que vinha ocorrendo desde antes da morte de seu avô Antônio Carlos Magalhães.PDT, PPS e PCdoB elegeram em segundo turno três prefeitos cada. O PP e o DEM, dois prefeitos; o PV, PSOL, PR, PRB e PTC, um prefeito cada. O PP ganhou na capital de Mato Grosso do Sul, Campo Grande. O PTC ganhou em São Luís (MA) e o PSOL em Macapá (AP).  Os pedetistas fizeram duas capitais no segundo turno: Natal (RN) e Curitiba (PR). O PPS administrará Vitória, capital do Espírito Santo. (Edição: Aécio Amado)

domingo, 28 de outubro de 2012

Polícia Civil apreende cinco quilos de crack em Altamira


Uma operação policial conjunta entre a Polícia Civil e Polícia Militar (GTO), sob o comando do delegado Paulo Mavignier, da Superintendência de Altamira, e do sargento Sidney Nolan Ferreira, do Grupo Tático Operacional, resultou na prisão dos traficantes Rafael da Gama Ribeiro, vulgo Prancha e Iranilde Moreira Lima, vulgo Pampam, e na apreensão de mais de cinco quilos de crack, em Altamira, sudoeste paraense. A prisão ocorreu na última sexta-feira.Polícia Civil apreende cinco quilos de crack em AltamiraA droga foi encontrada dentro de uma residência localizada na rua Primeiro de Janeiro. No local, além da droga, foram apreendidos um cofre de grande porte, celulares, notebook e um automóvel usado na prática criminosa. O delegado Paulo Mavignier explica que está sendo feita uma análise minuciosa das provas coletadas e que a origem do entorpecente será investigada e deve ser esclarecida ao longo do inquérito policial. Além do delegado Paulo Mavignier e do sargento Sidney Nolan Ferreira, participaram da operação os investigadores Alessandro Diniz do Espírito Santo, Luiz Dias do Lago Filho, Gessi da Silva Lameira Filho, Edimilson Tavares e o Escrivão Gilson Luiz Lemos Neves. No Grupo Tático Operacional, participaram da ação os soldados Leão, Manoel Silva e Edson, além do apoio do moto-patrulhamento da Polícia Militar de Altamira.O Superintendente Regional do Xingu, delegado Cristiano Marcelo do Nascimento, parabenizou os policiais que participaram da operação, e afirmou que “os excelentes resultados obtidos no combate ao tráfico de drogas em Altamira não são por acaso, mas são consequência do trabalho integrado entre a Polícia Civil e Militar, além de investigações permanentes em curso, ações planejadas e engajamento dos Policiais de Altamira no combate dessa modalidade criminosa”, declarou. Com Informações PC_PARA

sábado, 27 de outubro de 2012

MP. Pede bloqueio de recursos da prefeitura de Aveiro

Finalmente a justiça se manifestou contras desmandos em Aveiro.A situação do município nas mãos da juíza de direito Vanessa Ramos Couto. O Ministério Público Estadual, através do promotor público, Antonio Manoel Cardoso Dias, impetrou no inicio da tarde de ontem (26/10/2012), a ação civil pública com pedido de tutela antecipada contra o prefeito municipal de Aveiro, requerendo ao judiciário que determine o bloqueio das verbas da prefeitura para pagamento dos vencimentos dos servidores que estão em atraso e posteriores. Ação também é para que a juíza condene Ranilson Prado por atos de improbidades administrativas com a conseqüente de seu afastamento do cargo de prefeito. Ranilson do prado, concorreu as eleições municipais de 2012, com mais de 4 meses atrasando o salário dos servidores públicos municipais, o que culminou para a sua derrota esmagadora nas urnas.prado ainda responde 4 processos por ato de improbidade administrativa na justiça federal. Juiza pediu bloqueio de verbas e prefeito se complica todo perante a justiça. Em conversa com o promotor de justiça drº Antonio Manoel Cardoso dias, o magistrado relatou que também pedirá à justiça que o prefeito de Aveiro explique onde foram parar as verbas depositadas nas contas da prefeitura durante os últimos meses que culminaram com os atrasos do pagamentos dos servidores.segundo o promotor, os bens de Ranilson do Prado poderão ser bloqueadas para pagar as suas dividas. Agora a situação dos servidores públicos do município de Aveiro estão nas mãos da juíza drª Vanessa Ramos couto. Fonte- subsededeaveiro/sintepp

Desvio do Dinheiro do FUNDEB em Uruará

A categoria, ao longo deste período, tem sofrido agressões e intimidação porque não tem concordado com o terrorismo praticado contra sua classe.
A cada dia a classe dos trabalhadores em educação de Uruará demonstra mais insatisfação com a atual administração do prefeito Eraldo Pimenta. Os trabalhadores andam muito decepcionados com a forma desumana que a classe vem sendo tratada, que desde o início do mandato tem perseguido e tratado da pior maneira possível.  Tudo isso em virtude de que a Prefeitura não vem cumprindo corretamente com suas obrigações no tocante ao calendário no pagamento dos salários dos professores, vigias  e toda a categoria.  Com esta insegurança dos servidores em relação ao atraso do pagamento dos salários, o SINTEPP reuniu-se com a categoria na ultima  quinta-feira.  Durante o encontro ficou acertado que o Sindicato vai protocolar no Ministério Público Federal (MPF) denúncias de mau uso de verbas da união, praticado com o dinheiro da educação. Essas denúncias também deveriam ser protocoladas na Câmara de Vereadores, para que seja feita uma minuciosa investigação no uso do dinheiro do FUNDEB em Uruará. De acordo com o art. 22 da Lei de n. 11.494/2007, 60% dos recursos do Fundeb devem, necessariamente, ser destinados à remuneração dos profissionais do magistério da educação básica em efetivo exercício na rede pública.
 Mas como todo mundo sabe que os excelentíssimos vereadores de Uruará, são cúmplices do que vem acontecendo, isso provavelmente não será acatado pelos mesmos. Outro ponto também a ser denunciado é o abuso de poder configurado através da perseguição a funcionários públicos, através da coerção feita por órgãos do setor municipal.Caso seja provado os desvios o gestor municipal pode ser condenado pelo crime de improbidade administrativa, que prevê suspensão dos direitos políticos, ressarcimento aos cofres públicos dos danos causados ao erário, pagamento de multa e proibição de contratar com o poder público e dele receber benefícios e incentivos fiscais.
NOTA DO URUARA EM FOCO
Na minha opinião os responsáveis pela administração deverião ir a Grande Radio Regional FM 91.3 de grande audiência dar explicações do que esta acontecendo,a onde foi investido o dinheiro do FUNDEB? que e um recurso federal destinado a Educação, e já mais desviado a outro destino. É determinado por lei que os salários do servidores publico seja efetuado ate o 5º dia útil de cada mês. Os recusos da Saúde também e federal,  e o dinheiro vem destinado a  saúde. Só para si ter uma Idea do que foi destinado para o município de Uruará no período de janeiro ate agosto chega a quase R$29, 000, 000,00 dados do portal da transparência. E voltando ao assunto dos responsáveis darem explicações na Radio se por ventura não tiver dinheiro para pagar o tempo na radio que com certeza e um pouco caro, pode ter certeza que e só fazer uma vaquinha para a arrecadação e todos nos ajudamos.

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

PF pede interdição de faculdade irregular em Altamira

Apesar de ter sido proibida de continuar a promover cursos de graduação, Facuni desrespeita decisão da Justiça Federal
O Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça a interdição da Faculdade Universal de Altamira (Facuni). Apesar de a faculdade ter sido judicialmente obrigada a suspender cursos de nível superior por não estarem credenciados no Ministério da Educação (MEC), a empresa está descumprindo a decisão. Para comprovar essa desobediência, um servidor do MPF tentou e conseguiu ser matriculado na instituição.
Assinado pela procuradora da República Meliza Alves Barbosa, o pedido de interdição da Facuni foi encaminhado à Justiça Federal em Altamira nesta quarta-feira, 24 de outubro. Além da matrícula do servidor do MPF, o documento cita depoimentos de alunos que relataram que as atividades dos cursos de nível superior estão ocorrendo normalmente, inclusive com o agendamento de provas.
Processo nº 1928-29.2012.4.01.3903 – Justiça Federal em Altamira  Acompanhamento processual
Ministério Público Federal no Pará-Assessoria de Comunicação

Dois réus por homicídio qualificado são absolvidos no Tribunal do Júri em Uruará


O Tribunal do Júri da Comarca de Uruará realiza desde quarta-feira, 24 de outubro, julgamentos de réus acusados de assassinatos. Os julgamentos são presididos pelo juiz titular da comarca, Vinicius de Amorim Pedrassoli. O 1º julgamento aconteceu na quarta-feira, o réu Valdeci da Silva Oliveira, morador do km 205, que era acusado de homicídio qualificado pela morte de Ivaldo Pires de Souza, conhecido por Japão, foi absolvido pelos jurados. O 2º julgamento aconteceu na quinta-feira, 25, foi julgado o réu Vilson Pedro dos Santos por homicídio qualificado pela morte de Francisco Campos da Conceição, conhecido por Marabá, e foi absolvido pela maioria de votos dos jurados. Com informações Cada vida uma História 

Incêndio em equipamento provocou blecaute no Norte e Nordeste do país

O incêndio em um equipamento entre as subestações de Colinas (TO) e Imperatriz (MA) foi a causa do desabastecimento de energia ocorrido na Região Nordeste e em parte do Norte do país, na madrugada de hoje (26). O problema ocorreu justamente na interligação entre os sistemas Norte-Nordeste e Sul-Sudeste.  A linha de transmissão é operada pela empresa Taesa. Segundo informação da assessoria de imprensa do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o problema ocorreu pouco depois da meia-noite e demorou pouco mais de uma hora para ser resolvido. Portanto, por volta da 1h30, a energia na linha principal já tinha sido restabelecida. No entanto, as distribuidoras de energia levaram mais tempo para restaurar a energia nas linhas secundárias. Uma reunião de técnicos às 14h de hoje, na sede do ONS, no Rio, vai analisar mais profundamente o problema. Pela manhã, o assunto deve ser discutido em uma reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico, em Brasília. (ABr)
 

A luta para dividir o Estado do Tapajos continua

Hoje, o 1º Forum do Insituto Popular Pro-Tapajós marcou a retomada das ações para criação do Estado do Tapajós, através do PLIP(Projeto de Lei de Iniciativa Popular).
 Foto Samuel Alvarenga
Na oportunidade diversas lideranças políticas reafirmarm apoio ao moviento, entre os quais o deputado federal Lira Maia e  o prefeito eleito Alexandre Von. 'Quando se trata da criação do novo estado o partido é único, o "Tapajós", afirmou Lira Maia.Von foi enfático: "O plebiscito não foi em vão, foi o resultado da vontade de 99% da população de Santarém e 92% da nossa região".
 Com informações 

A CASA CAIU - JUIZ CONDENA DOMINGOS JUVENIL


O Político é acusado de improbidade administrativa por desviar recursos da funasa A sentença do juiz federal Pablo Dourado que condenou o ex-deputado e prefeito eleito de Altamira, Domingos Juvenil, por improbidade administrativa foi publicada no Diário Oficial de Justiça do último dia 15 de outubro. O juiz acolheu parcialmente as acusações do Ministério Público Federal (MPF) em ação impetrada no ano de 2006. Ele entendeu que o gestor praticou ato de improbidade administrativa por aplicar irregularmente verbas de um convênio firmado com a Fundação Nacional da Saúde (Funasa) em 2004, época em que Juvenil era prefeito de Altamira. A sentença do juiz pede a suspensão dos direitos políticos de Juvenil, perda da função pública e proibição de contratar com o poder público. Como ainda cabe recurso da decisão, Juvenil deve assumir a prefeitura normalmente no início do ano que vem, enquanto a decisão não transitar em julgado.De acordo com a sentença, de 8 de agosto, o convênio firmado pela Prefeitura de Altamira com a Funasa envolveu verbas no valor aproximado de R$1,1 milhão. O objetivo era a execução de ações complementares à saúde indígena no Distrito Sanitário Especial Indígena do município. Segundo sustentou o Ministério Público, um relatório da Funasa apontou que não houve licitação para aquisição de bens necessários ao atendimento dos indígenas. O MPF requereu, portanto, o enquadramento de Domingos Juvenil na Lei de Improbidade Administrativa (8.249/92). O juiz confirmou que não foi realizado o processo licitatório devido, configurando ato de improbidade. O réu tentou justificar que a aquisição dos equipamentos era urgente, hipótese afastada pelo juízo. 'Não há nos autos decreto de situação de emergência ou calamidade pública', reforça na sentença.O MPF pedia, ainda, a condenação do réu por danos materiais e por danos materiais coletivos, mas os pedidos não foram acatados pelo juiz. 'Não vejo nos autos a demonstração do dano material alegado pelo autor. Nem o MPF nem a Funasa diligenciou no sentido de verificar a efetiva diferença existente entre o valor de mercado dos bens adquiridos, na época da aquisição, e os preços pagos pelo requerido', justifica. Para o juiz, no entanto, não restaram dúvidas de que ato ímprobo existiu, daí a condenação parcial.(Amazônia – ORM)

NOTA: SINTEPP DE PLACAS

Hoje completou três dias que a educação placaense esta em greve. O governo irresponsável nem se quer respondeu os ofícios enviado pelo SINTEPP e nem pagou os trabalhdores contratados que até agora não recebeu os seus salários. No final da tarde os trabalhadores da educação fezeram um grande manifesto informando a população os motivos que levau a paralização das atividades escolares e greve de todos os trabalhadores da educação. Desesperado o governo colocou comunicado a população atraves de carro som tentando enganar mais uma ves a população de Placas, dizendo que todas as obrigações da prefeitura estão sendo cumprida.  Cadê o pagamento dos trabalhadores que continuam sem receber?
Cadê os transportes escolares ? Tambem continuan sem receber. A merenda das escolas rurais so suco de caju e bolacha de agua e sal. Cade a qualidade da merenda dos nossos alunos? Mais uma ves o governo tenta enganar a população e as provas estão nas contas dos trabalhadores que já foram ao banco e nada de dinheiro dos seus salarios.  Difama um sindicato que não tem cor partidária, a onde o nosso compromisso é com a educação e que os direitos dos trabalhadores sejam respeitados.  Acorda Placas governo que nem aparece, responde a população atraves de carro som com mentiras, escancaradas nas ruas. A preça prefeito. Atenda os trabalhadores da educação e resolva esta situação. Cadê a secretária de educação que diz não saber de nada. Que secretária é esta?   respeite os trabalhadores da educação a nossa luta é digna e queremos resolver isto o mais breve.  Receba os trabalhadores da educação e fale á verdade. Nós mostramos a nossa cara e esperamos que vocês façam o mesmo. APAREÇAM........

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Operação resulta nas apreensões de 16 motocicletas em Uruará


Motos apreendidas
Dezesseis motocicletas com descargas adulteradas estão apreendidas, desde a segunda-feira passada, na Delegacia de Uruará, sudoeste do Pará. As apreensões resultaram da operação conjunta das Polícias Militar e Civil denominada "Kadron: Não Durma Com Esse Barulho". O objetivo da ação policial é combater o excesso de barulho na cidade gerado por esse tipo de veículo, que causa transtornos à população. Conforme o major Josiel, comandante do 13a Companhia Independente da Polícia Militar, a operação continuará sendo realizada no trânsito da cidade."Não vamos combater só o uso de descargas barulhentas, mas também a condução de veículos feita por adolescentes e o transporte de várias pessoas numa mesma moto", asseverou o major. A operação "Kadron: Não Durma Com Esse Barulho" foi desencadeada no início do ano e vem acontecendo pontualmente ao longo dos meses. A operação foi idealizada pelo delegado responsável pela Delegacia de Uruará, Godofredo Martins Borges, para coibir as irregularidades no trânsito do município. Com informações PC-Parà

Leonardo Tavares é eleito o novo presidente do TRE

O colegiado Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PA) elegeu os novos dirigentes do órgão para o próximo biênio de 2013-2014. O atual vice-presidente, que também exerce a função de corregedor eleitoral, desembargador Leonardo Tavares, foi eleito para presidir o tribunal e o desembargador Raimundo Holanda será o seu vice e também corregedor da próxima gestão. Eles serão responsáveis em organizar as próximas eleições, para escolha de presidente, governador, senadores, deputados federais e deputados estaduais, em 2014. Eles foram aclamados pelos membros da corte eleitoral paraense, como é praxe na administração do TRE-PA. A previsão de posse dos novos dirigentes do TRE-PA é o dia 28 janeiro de 2013. Nesta ocasião, o atual presidente, desembargador Ricardo Nunes, se despedirá do cargo. Nunes preside o TRE-PA desde janeiro de 2011. Antes foi corregedor eleitoral no biênio 2009-2010. Após o mandato na justiça eleitoral retomará a função exclusivamente na justiça estadual.
CORTE
Leonardo Tavares e Raimundo Holanda são desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado do Pará e também compõem a corte eleitoral. O colegiado do TRE-PA é composto por dois desembargadores estaduais, além do juiz federal, Antônio Campelo, dois juízes estaduais, Eva do Amaral Coelho e Ezilda Mutran e dois juristas, indicados pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PA) e nomeados pela presidência da República. Atualmente, apenas o jurista Mancipor Oliveira Lopes foi nomeado. A outra vaga ainda não foi preenchida e aguarda a nomeação da presidenta Dilma Roussef.
(Diário do Pará)

Ex-prefeito de Porto de Moz é condenado por improbidade

Gérson Salviano Campos teve direitos políticos suspensos por cinco anos.
O ex-prefeito de Porto de Moz Gérson Salviano Campos foi condenado pela Justiça Federal à suspensão dos seus direitos políticos por cinco anos. A decisão, do juiz federal Pablo Zuniga Dourado, foi baseada em ação do Ministério Público Federal em que o ex-prefeito foi acusado por improbidade administrativa, por ter deixado de prestar contas de convênio entre Porto de Moz e o Ministério da Previdência e Assistência Social, para implantação do Programa de Erradicação do Trabalho lnfantil (Peti).  Campos também foi condenado a devolver R$ 9 mil, ao pagamento de multa equivalente a cinco vezes o valor da remuneração que ele recebia como prefeito e ficou proibido de contratar com o poder público por três anos. Atuaram no processo os procuradores da República Cláudio Terre do Amaral e Meliza Alves Barbosa.  Notícia Postada Por: MPF

Ex-secretário de obras de Marabá, PA, é preso por desvio de verbas

 Ele e um empresário são suspeitos de desviar mais de R$ 20 milhões.
Pelo menos 10 servidores públicos também estariam envolvidos.A Polícia Civil no município de Marabá prendeu, na manhã desta terça-feira (23), o ex-secretário de obras da cidade, e o empresário dele, sob a suspeita de que os dois tenham desviado mais de R$ 20 milhões da prefeitura de Marabá. O ex-secretário estava sendo investigado desde o mês de abril, quando o Ministério Público Estadual (MPE) denunciou o desvio do dinheiro que deveria ser usado para serviços de terraplanagem no município. Já o empresário dele, suspeito de envolvimento no esquema, seria o fornecedor de material para as obras de terraplanagem. As investigações apontam ainda que mais de dez servidores públicos estariam envolvidos no desvio da verba. Ainda nesta segunda-feira (23), alguns funcionários da prefeitura foram convocados para prestar depoimento na delegacia do município. Até agora, oito mandados de prisão foram cumpridos.

terça-feira, 23 de outubro de 2012


Comunicado

O sindicato dos Trabalhadores em Educação da Sub Sede de Placas (SINTEPP), comunica a população Placaense que os funcionários da educação municipal estão em greve por tempo indeterminado por falta de pagamento, salarial e do transporte escolar, atraso do repasse sindical, ausência da merenda escolar em algumas escolas, e falta do pagamento de parte dos funcionários da Educação. Pedimos a compreensão de pais e responsáveis pelos alunos das escolas municipais assim que tivermos a solução do problema comunicaremos a todos.
Agradece a coordenação.

Policiais recuperam computadores furtados de escola em Uruará


Em atuação conjunta as Polícias Civil e Militar de Uruará, sudoeste do Pará, apreendeu, nesta terça-feira, 23, dois adolescentes responsáveis pelo furto na escola Instituto Educacional Uruará ocorrido na sexta-feira passada. O teiceiro envolvido no crime está sendo procurado. Os irmãos de 15 e 16 anos furtaram dois computadores, do tipo notebook, e levaram os objetos para Breno Coutinho da Silva, de 18 anos, que também foi preso e autuado por receptação do roubo. Breno estava junto de Edinaldo Cruz da Silva, 18, que também foi preso. A dupla é acusada de praticar roubos de celulares e notebooks na cidade, nas últimas semanas. Os dois foram reconhecidos por várias vítimas. As prisões foram realizadas pelo investigador Tadeu e pelo cabo Manoel, da 13ª Companhia de Polícia Militar de Uruará. Os notebooks foram devolvidos à escola. De acordo com o delegado Godofredo Martins Borges, Breno e Edinaldo foram autuados em flagrante por furto qualificado, com base no artigo 155, do Código Penal. Eles estão recolhidos na Delegacia de Polícia de Uruará à disposição da justiça. Os dois irmãos autores do furto foram submetidos a um Auto de Investigação de Ato Infracional. Os dois foram entregues à mãe e o caso segue agora em inquérito policial.  Com informações PC-Para

Servidores públicos de Uruará decretam greve geral

Azar, mal agouro, intrigas da oposição? Seja o que for o pós-eleição não está sendo nada bom para o Governo Uruará da gente e seus secretários remanescentes.

 Ontem à tarde em assembleia do SINSPUR os servidores municipais da saúde decidiram instaurar o estado de greve; dessa forma as duas maiores categorias de servidores municipais, saúde e educação estão paralisadas e ainda outras categorias podem vir a paralisar também. O motivo é que os salários das categorias estão atrasados desde setembro e segundo informações de dentro da Prefeitura de Uruará não há previsão para que esses pagamentos sejam realizados, ainda de acordo com informações extraoficiais as categorias estão articulando denuncias junto ao Ministério do Trabalho, Ministério Público e Procuradoria Geral da República, as categorias também buscam junto ao Ministério Público bloqueio dos recursos dos novos repasses que entrarão nas contas da Prefeitura a fim de garantir o pagamento dos salários de outubro, novembro, dezembro e o 13º salário, agora só resta esperar pra ver que fim isso terá. Com Informações Talento Noticias
 

Polícia encontra corpos de casal desaparecido em Alter do Chão

Jéssica Gomes e Mauro Borges
A Polícia encontrou no início da tarde desta terça-feira, os corpos do casal Mauro Luís Borges dos Santos, de 30 anos e de Jéssica Gomes Campos, de 18 anos, que estavam desaparecidos desde domingo, dia 21, quando foram à vila balneária de Alter do Chão. Segundo informações do escrivão Arlei Silva, da Delegacia de Polícia de Alter do Chão, os corpos do casal foram encontrados com perfurações de facas, na trilha da Serra Piroca. Ela estava despida e ele vestido. Os corpos já apresentavam sinais de decomposição. A suspeita é que os dois teriam sido estrangulados e depois esfaqueados. Amigos e familiares estão no local neste momento, bem como as Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e IML, que está fazendo a perícia onde os corpos foram encontrados.Fatos: Jéssica Gomes Campos e Mauro Luís Borges dos Santos desapareceram no domingo (21), após fazerem uma visita à vila balneária de Alter do Chão e deveriam ter voltado no mesmo dia. A jovem que estava na cidade e depois seguiria para Manaus, ficou hospedada na casa de Mauro, que mora com parentes. No domingo ela teria pedido a Mauro para conhecer Alter do Chão. Os dois chegaram de moto na comunidade ainda pela manhã e não retornaram mais para casa. A família perdeu o contato e decidiu tomar providências: “Passou a madrugada toda, quando foi pela manhã de segunda-feira foi que a gente suspeitou. Eu tentei ligar e deu fora de área o celular dos dois”, disse a prima de Mauro, Luiza Borges. Em busca de informações, a família procurou os dois pelos hospitais da cidade, mas nenhuma pista. Em seguida registraram Boletim de Ocorrência na Seccional de Polícia Civil. A Polícia encontrou a motocicleta em que eles estavam, por volta de 13h30 de segunda-feira (22) na Praça em frente à vila de Alter do Chão. Segundo o escrivão Arlei Silva, a moto possivelmente foi abandonada no local, pois o veículo foi encontrado com os capacetes e sem a trava. “A pessoa que deixou a moto, não tem o perfil do proprietário (…). Algum fato aconteceu no intervalo das três e quinze às três e meia, ou seja, um intervalo de quinze minutos aconteceu o desaparecimento”, completou o policial civil.No início da tarde desta terça-feira os corpos foram localizados pela equipe composta por policiais militares, civis e corpos de bombeiros. A Polícia está investigando as causas do duplo assassinato.
Fonte: O Impacto
Veja ainda hoje: Representantes do SINTEPP de Uruará, estiveram em audiência com Procurador de Justiça em Altamira,para garantir os salarios dos educadores.

Luta pelo Estado do Tapajós será retomada este mês

  ICPET quer que Plebiscito seja realizado somente na região oeste do Pará. Santarém - O Instituto Cidadão Pró-Estado do Tapajós (ICPET) realiza, nesta sexta-feira, 26, o evento denominado ‘I Fórum de retomada das ações em favor do Estado do Tapájós’, no plenário da Câmara Municipal de Santarém.Na ocasião, será lançado o Projeto de Lei de Iniciativa Popular (Plip) que deverá coletar 1.500.000 assinaturas em toda a região oeste do Pará. A coleta de assinaturas visa mudar a Lei Complementar nº 9709, permitindo que o Plebiscito seja realizado somente na área que está solicitando a emancipação.Também será lançado endereço eletrônico e o concurso para a escolha da bandeira e do hino do Estado do Tapajós.O Plebiscito realizado com a finalidade de consultar a população de todo o estado do Pará sobre a divisão territorial ocorreu em 11 de dezembro de 2011, na qual a maioria dos moradores do Estado decidiu que não queria a emancipação das regiões sudeste e oeste do Pará. 

 

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

PREFEITO QUER DA CALOTE EM FUCIONARIOS PUBLICO DE PLACAS

 NO ULTIMOS DIA 16 E 17 DE OUTUBRO O SINTEPP SINDICATOS DOS EDUCADORES DO MUNICIPIO DE PLACAS PARALIZOU AS ATIVIDADES ESCOLARES POR FALTA DE PAGAMENTOS DOS SALARIOS. NA DATA DE HOJE FOI MARCADO UMA REUNIÃO NA CAMARA MUNICIPAL DE PLACAS,  UMA SESSÃO PARA ALGUNS REPRESENTANTES DA PREFEITURA DAR EXPLICAÇÕES E SOLUÇÕES PARA RESOLVER ESTE PROBLEMA, PORÉM NÃO HOUVE SESSÃO, POR FALTA DE VEREADORES ONDE SO Três COMPARECERAM À CASA DE LEI. PARA ALGUNS PROFESSORES O PAGAMENTO JÁ FOI EFETUADO, MAS SEM GRATIFICAÇÕES.O RETANTE ESTAM A VER NAVIOS E COM OS COBRADORES EM SUAS PORTAS, OS VEICULOS QUE TRANSPORTAM ALUNOS TAMBÉM ESTAM A VARIOS MESES SEM  RECEBER.

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Consórcio de Belo Monte esclarece sobre repasses


A direção do Consórcio Construtor da usina hidrelétrica de Belo Monte enviará periodicamente relatórios sobre a obra, recolhimentos de impostos, contratação de funcionários e outros dados de implantação do empreendimento para a Assembleia Legislativa do Estado, conforme solicitação do presidente da Comissão Parlamentar de Acompanhamento de Belo Monte, Martinho Carmona (PMDB) ao novo presidente do consórcio, Duílio Diniz de Figueiredo. Junto com outros seis diretores, eles se comprometeram a repassar as informações requeridas pela comissão, a fim de que o Legislativo Estadual possa acompanhar todas as etapas de implantação da usina, cuja primeira fase está prevista para entrar em funcionamento em 2015. 
Além de Martinho Carmona, o presidente da AL, Manoel Pioneiro e o deputado Raimundo Santos também participaram da reunião. Até dezembro, os membros da comissão irão visitar as obras da usina. Os deputados se reuniram com a diretoria do consórcio pela manhã e cobraram informações sobre o recolhimento de impostos ao Estado e municípios de Altamira e Vitória do Xingu, os dois que são mais afetados pela implantação da usina. Segundos dados da diretoria do Consórcio Construtor, foram repassados à Secretaria Estadual de Fazenda, através de compras de equipamentos para obra, R$ 33 milhões em 2011 e até agora outros R$ 34 milhões em 2012.
IMPOSTOS
Porém, o presidente da comissão parlamentar, Martinho Carmona, questionou o motivo da previsão inicial não ter sido cumprida, pois segundo informou aos diretores do consórcio, fora informado em reunião anterior aos deputados que a estimativa para recolhimento do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias (ICMS) ao Estado seria de R$ 150 milhões em 2012. Os diretores informaram que o forte da obra é o serviço e não compras e que o recolhimento de Imposto Sobre Serviços (ISS) para Altamira e Vitória do Xingu já ultrapassam mais de R$ 80 milhões. Somente Vitória do Xingu, que abriga a usina, segundo o presidente do consórcio, recebeu apenas este ano R$ 77 milhões. Porém, os deputados expuseram a preocupação com o fluxo migratório excessivo que a obra da usina está gerando na região e questionaram a demora na implantação das obras que estão na lista das condicionantes do projeto para a empresa construtora, além dos recursos para a segurança pública para ações de prevenção. No geral, segundo informações dos diretores do consórcio, para o Plano de Desenvolvimento do Xingu, que reúne parceria entre os governos federal, estadual e municipais, além da empresa construtora, serão destinados pelo consórcio R$ 500 milhões, sendo R$ 250 milhões até o final das obras e outros R$ 250 milhões em mais vinte anos.  Outras informações repassadas pelos diretores do consórcio se referem a contratações de funcionários na construção da usina. Eles garantem que 60% do pessoal contratado tem residência no Pará. Até agora foram 12 mil contratados, sendo 13% mulheres. A previsão é que até o final de 2013 22 mil pessoas sejam contratadas para a obra. O presidente do consórcio também assegurou aos deputados que as constantes paralisações da obra da usina não vão forçar a empresa a adiar a inauguração da primeira fase e se comprometeu a enviar todos os dados que os deputados necessitarem, a fim de esclarecer a sociedade sobre a implantação do empreendimento que deverá deixar apenas 3.2% da usina gerada para ser consumida no Estado do Pará.
(Diário do Pará)

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Polícia Civil adota novos procedimentos em respeito a orientação sexual da pessoa


O delegado-geral da Polícia Civil do Pará, Nilton Atayde, assinará na manhã da próxima sexta-feira, 19, portaria que dispõe sobre o direito ao uso do nome social por travestis e transexuais nas unidades da Polícia Civil do Estado do Pará. A assinatura ocorrerá às 9 horas, no gabinete do delegado-geral, e contará com a presença da delegada Christiane Lobato, titular da Diretoria de Atendimento a Grupos Vulneráveis, e do coordenador geral do Comitê Gestor de Combate à Homofobia (CGCH), delegado Vicente Costa.
A portaria – que entrará em vigo a partir de sua publicação no Diário Oficial do Estado – determina que por ocasião de atendimento nas unidades policiais de pessoas transexuais e travestis, os policiais civis e demais servidores lotados na Polícia Civil do Estado do Pará, devem tratá-las pelo nome social com o qual se identificarem. Considera-se nome social aquele adotado pelas pessoas travestis e transexuais e pelo qual são reconhecidas, identificadas e denominadas no meio social. No entanto, a opção pela utilização do nome social, desde o primeiro atendimento na Polícia Civil do Estado do Pará, não afasta a obrigatoriedade de se identificar pelo nome civil. Condiciona, porém, o tratamento a ser dispensado à pessoa transexual ou travesti pelos policiais civis e demais servidores. Através do documento, o delegado Nilton Atayde determina também na hipótese de suspeita de a infração penal ter sido praticada por motivo de preconceito e ou discriminação quanto à orientação sexual ou quanto à identidade de gênero, deverá o policial civil, responsável pelo registro de ocorrência, fazer constar o termo “homofobia” no campo referente a causa presumível. A mudança leva em conta o compromisso em garantir o pleno exercício dos direitos da população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais, respeitando a orientação sexual e a identidade de gênero da pessoa.Com Informações PC

GUARNIÇÃO DA PM EM RURÓPOLIS CAPTURA FUGITIVO DE SANTARÉM.

Policiais da 17ª COMPANHIA INDEPENDENTE DA POLICIA MILITAR – CIPM RURÓPOLIS, cumprindo mandado de Busca e Apreensão expedido pela Comarca de Santarém, prendeuJARDEON o qual já é reincidente em diversos cometimentos de crimes neste município.  O nacional foi preso pela guarnição comandada pelo Cabo PM Roberto, Soldados PM Alckcharles e Sousa, com o apoio do Soldado PM Mota, conduzido para a delegacia de Policia Civil e entregue aos cuidados do DPC Ary Vital, que deverá providenciar sua transferência. Vale ressaltar que JARDEON já havia fugido dos Oficiais de Justiça no dia 16 do corrente mês e estava tranquilamente tomando banho no Rio Leitoso, ingerindo bebida alcoólica, quando a Policia Militar de forma estratégica abordou o meliante, que não teve nenhuma chance de fuga.  INFORMAÇÃO E FOTOGRAFIA: POLICIA MILITAR

Novo gestor de Belo Monte será apresentado hoje

Parlamentares que integram a Comissão Parlamentar de Acompanhamento de Belo Monte se reunirão hoje pela manhã com o novo presidente do Consórcio Construtor da usina hidrelétrica de Belo Monte, Duílio Diniz de Figueiredo. O presidente da comissão, deputado Martinho Carmona (PMDB) afirma que além de conhecer o novo gestor do consórcio, vários aspectos serão discutidos na reunião, entre eles, a compra de equipamentos em território paraense. Mas, especialmente, a comissão vai cobrar do novo dirigente o cumprimento do acordo com o governo estadual para que o consórcio repasse R$ 100 milhões para a contribuição com o sistema de segurança pública nos municípios do entorno da usina hidrelétrica de Belo Monte. O deputado explica que a grande migração na região já é uma realidade, portanto, a preocupação com a segurança pública é fundamental, pois são necessárias ações de prevenção à criminalidade.
Porém, Carmona afirma que é fundamental conhecer o novo presidente do consórcio e estabelecer relação de acompanhamento do projeto. “Nosso papel parlamentar é acompanhar a implantação da hidrelétrica e vamos requerer informações sobre recolhimento de ICMS no Estado, atendimento às condicionantes do projeto, questionar o por quê das ações condicionantes estarem atrasadas”, esclarece o presidente da comissão parlamentar. Segundo Martinho Carmona, o governo estadual afirma que ainda não foi repassado nenhum centavo do que foi acordado para área de segurança pública. “Nós não queremos criar embaraço, mas vamos exigir que se cumpra o acordo com o Estado”, acentua o deputado.
A reunião foi realizada às 10 horas, na sala de ex-presidentes da Assembleia Legislativa. Outras três reuniões entre a comissão e os dirigentes do Consórcio Construtor de Belo Monte já foram realizadas anteriormente.
(Diário do Pará)

Negociação da Celpa é adiada e greve suspensa

Em audiência no Tribunal Regional o Trabalho, ontem (17), uma nova reunião foi marcada para segunda-feira (22), às 14h, devido alegação por parte da Rede Celpa de que não pode negociar o pagamento sem a anuência da Equatorial. Por conta de uma cláusula de compra e venda da empresa, tornou-se necessária a presença de Firmino Sampaio, presidente da empresa que comprou a Celpa e deve estar ciente do resultado do acordo. Mesmo com a negociação sendo adiada, a desembargadora federal do trabalho, Francisca Oliveira Formigosa, solicitou ao sindicato que realize a suspensão da greve. Em acordo na tarde ontem (17), ficou decidido, por maioria de votos, que a os trabalhadores retornariam à atividade a partir das 22hs, suspendendo a greve até a reunião de segunda-feira. Segundo Wesley Loureiro Amaral, advogado do Sindicado dos Urbanitários, esse retorno não significa o final da greve. “Estamos mostrando que entendemos o momento da empresa, mas não podemos abrir mão dos acordos firmados”.
O advogado afirma que o final da greve ou sua efetiva retomada é uma decisão que será tomada em assembléia pelos trabalhadores da Celpa, após a reunião na próxima segunda-feira no TRT.
(Diário do Pará)

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Policiais civis e militares apreendem 4,3 quilos de "crack" em Porto de Moz

Ricardo da RochaUm esquema de tráfico interestadual de drogas coordenado por uma organização com ramificações nos Estados do Pará, Amazonas e Amapá, foi desarticulado, ontem, durante operação integrada das Polícias Civil e Militar, no município de Porto de Moz, noroeste do Pará.
Após mais de um mês de investigações, a equipe policial prendeu em flagrante, no interior de uma embarcação, Ricardo Pereira da Rocha, com quem foram apreendidos 4,3 quilos de "pedras de crack", droga derivada da cocaína. Denominada de "Operação Quadrado", a ação policial foi deslanchada após a confirmação de que o acusado estava fazendo o transporte da droga na região.
Segundo o delegado Eduardo Paisani, titular da Delegacia de Porto de Moz, uma guarnição da Polícia Militar, do Destacamento de Porto de Moz, passou a acompanhar a movimentação do acusado, pois os policiais verificaram que ele fazia constantes viagens para as cidades de Tabatinga e Manaus, no Amazonas; Gurupá, no Pará, e Santana, no Amapá. Ainda, conforme o policial, o esquema de tráfico de drogas tinha como início de rota a cidade de Altamira com destino à Santana (AP). Durante as investigações, os policiais tomaram conhecimento de que na última terça-feira, Ricardo da Rocha embarcaria na cidade de Vitória do Xingu, próxima à Altamira, no Pará, com destino à Santana, no Amapá. Um policial militar, que retornava em viagem de folga, no mesmo trajeto, foi orientado a acompanhar o acusado ao longo da viagem e repassar informações às equipes das Polícias Civil e Militar sobre o deslocamento. Assim que atracou no porto hidroviário, em Porto de Moz, a embarcação foi abordada pelos policiais civis e militares, que fizeram uma revista em Ricardo. Os 4,3 quilos de “pedra de crack” foram encontrados dentro de duas caixas de papel divididos em quatro tabletes.Ainda, de acordo com o delegado Eduardo Paisani, a operação contou com a participação de policiais militares - soldados PM Alex Lobato e Ivanilson, e cabo PM Pantoja -, do investigador Santana e do escrivão Alves, de Porto de Moz. O delegado ressaltou que as investigações continuarão. "Vamos apurar a participação de outras pessoas no esquema", garante. Ainda, segundo o delegado, Ricardo da Rocha faz parte de uma organização bem estruturada com ramificações nos Estados do Amapá, Manaus e Pará, além de possuir ligação direta com traficantes de drogas peruanos. O delegado ressaltou que as prisões resultaram da política de combate ao tráfico de drogas no Pará, em atendimento às determinações da Delegacia-Geral da Polícia Civil, por meio do diretor de Polícia do Interior, delegado Silvio Maués, e do superintendente regional do Xingu, delegado Cristiano Marcelo do Nascimento.

Prefeito de Placas Maxuel Brandão desaparece da cidade de Placas para não pagar as contas

Maxuel Brandão e Eraldo Pimenta
A falta de pagamento dos salários dos servidores publico do município de Placas também e motivos de greve. Segundo informações no municipio de Placas a situação também e precária e o Prefeito Maxuel Brandão esta desaparecido da cidade e o povo esta revoltado, pois os pagamentos não foram efetuados. A onde os professores já esta de greve, os cabos eleitorais que trabalharam para tentar reeleger o atual prefeito Maxuel Brandão vão ter arcar com o prejuízo. Isso e gritante um gestor corrupto que foi um péssimo administrado tenta se reeleger, e investe milhões na campanha política e depois enrola o povo e desaparece. Só que a Justiça tarda mais não falha e o fim desses políticos pilantra esta chegando ao fim, pois eles tem muito a explicar, não ao povo, mas sim a policia federal, Ministério publico Federal, pois o povo já deu o troco nas urnas e agora e com a Justiça que deve estar de olhos bem abertos.

Educadores em Uruará entram em Greve por falta de Pagamento

Greve dos educadores deixa pais revoltado com o atual gestor, pela falta de compromisso, aonde os maiores prejudicados são os alunos.
Depois de varias assembléias para discutir a situação dos atrasos nos salários dos educadores de Uruará, a categoria paralisou neste dia 16 as atividades escolares,Por tempo indeterminado. Diante de tudo que vem acontecendo em Uruará a onde o prefeito foi derrotado nas Urnas e seu sucessor não se elegeu, os funcionários públicos estam receosos que poderam ficar meses sem receber seus vencimentos. A greve e para que o atual gestor paga os salários em dia, pois há anos os salários nunca saem em dias, é como o atual gestor esta todo encrencado o medo de ficarem vários meses sem receber e visível. No ultimo dia 05 os educadores estavam em reunião quando Três viaturas de policia e um oficial de justiça, chegou e disse que era para todo mundo ir embora, pois, se isso não acontecesse todos seriam presos. A situação dos servidores da saúde não é diferente, pois vai fazer 02 meses sem receber e segundo informações se os pagamentos dos salários não forem efetuados, os servidores também irão paralisar os trabalhos na saúde. Outro setor que também esta sem receber salários e a da limpeza que apartir de hoje os lixos vão acumular na frente das casas, pois os trabalhadores da lindeza vão paralisar seus trabalhos. Sem falar nos cabos eleitorais que também esta sem receber os serviços prestados para o candidato a sucessor do gestor atual. A varias empresas que prestaram trabalhos para o pleito eleitoral e também estam sendo lesados e esta amargando no prejuízo.